Penélope Clarinha – Pastéis de Belém – Desde 1837

0

Foi em 1837 que começou o fabrico daqueles que levam, nos dias de hoje, o nome de Portugal além-fronteiras e que são uma referência quando se fala em doçaria portuguesa. Tendo recebido a distinção de uma das 7 Maravilhas Gastronómicas de Portugal, aos Pastéis de Belém ninguém fica indiferente.

A receita só a sabem 7 pessoas: 4 mestres e 3 gerentes da família Clarinha a quem foi confiado o segredo mais bem guardado de Lisboa e que ninguém conseguiu replicar. Para os provar só mesmo indo até à fábrica, em Belém.

Por dia são vendidos cerca de 22.000 pastéis que entre estrangeiros e portugueses fazem fila para provar este doce que começou a ser fabricado antes de 1837 pelos monges do Mosteiro dos Jerónimos.

De lá para cá muitas coisas se modificaram, mas uma coisa é certa: a receita é a mesma e a confeção continua a ser feita manualmente com muita dedicação e amor.

Para mais informações: pasteisdebelem.pt

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here